Beber água alcalina não traz benefícios à saúde

Beber água alcalina não traz benefícios à saúde

my-portfolio

O organismo têm mecanismos próprios para regulagem da alcalinidade da água. Água que “salva” A tendência da vez é beber água alcalina (con...

Estão tentando tirar o controle dos pais sobre seus filhos
Os filhos crescem, mas eu não vejo. Para onde eu olho?
Coaching de Pais: Limite

O organismo têm mecanismos próprios para regulagem da alcalinidade da água.

Água que “salva”

A tendência da vez é beber água alcalina (conhecida como “água da vida”) em função der uma especulação de que ela tenha funções: antioxidantes, de controle de hormônios e até mesmo da prevenção de câncer. No entanto, não há consenso sobre o benefício dessa água, tampouco estudos científicos que comprovem que esse líquido é assim tão benéfico.

Em uma escala de zero à 14, o pH é o marcador que indica se uma substância é ácida ou alcalina. O tema sobre água alcalina será abordado no VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Hormonal e Longevidade, veja a posição de especialistas:

  • A endocrinologista Alice Amaral confia no benefício desse tipo de água, como 70% do corpo humano é composto por água, a alcalina traria melhorias ao corpo. “Quando nascemos, somos alcalinos. Na medida em que envelhecemos vamos nos acidificando. Uma alimentação alcalina é saudável”, afirma. Para a médica, o pH da água deve ser acima de 9,5;
  • A endocrinologista Andressa Heimbecher, integrante da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, discorda que a água poderá trazer algum benefício ao corpo, “Não é porque se bebe mais água alcalina que o pH vai se equilibrar. O próprio rim faz essa função, de manter o sangue com o pH entre 7,3 e 7,4”, explica a médica.
  • A endocrinologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Tarrissa Petry, endossa a afirmação de Andressa. “Se a gente come muita coisa, seja ácida ou alcalina, o corpo vai regular o pH para o padrão normal do sangue, então não tem sentido a água alcalina prevenir tanta coisa”, comenta. “Além disso, se o pH da água for um pouco acima ou abaixo, o próprio organismo vai balancear”.

Um dos argumentos para beber água alcalina, segundo Tarissa, é que o modo de vida atual propiciaria o corpo a ficar ácido, como ingestão excessiva de café, alimentação errada e estresse. “É querer tapar o sol com a peneira. O certo é comer alimentos saudáveis e ter um bom estilo de vida”, recomenda.

Receita caseira

Na internet é possível encontrar receitas de como produzir a própria água alcalina, de modo caseiro. Essas instruções incluem sempre o bicarbonato de sódio. Tarissa alerta para os malefícios que essa prática pode trazer. Veja:

  • “O bicarbonato de sódio pode aumentar a pressão arterial. Não recomendo de jeito nenhum”, alerta. Além disso, como o estômago é naturalmente ácido, torná-lo um ambiente alcalino poderá fazer com que seu funcionamento natural seja inativado, trazendo sérios problemas ao organismo, como um ambiente propício para proliferação de bactérias;
  • “Quem está com vômitos ou virose, perde muito ácido do estomago. Se ela está perdendo ácido, o sangue fica um pouco mais alcalino, e se tomar mais coisas alcalinas, ela terá um excesso de base [alcalinidade]”, alerta Andressa.

Água da torneira

Presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, Fadlo Fraige Filho afirma que não há estudos científicos sobre o benefício da água alcalina. No entanto, ele desconfia das consequências da água tratada que vem pelas torneiras nas cidades maiores, principalmente em São Paulo.

“Há muito cloro e flúor que pode deixar a água um pouco mais ácida sim, e o excesso de produtos químicos pode, eventualmente, estar ligado ao aumento dos casos de hipotireoidismo”, explica. A água é segura no ponto de vista bacteriológico, já que esses compostos químicos eliminam vestígios de bactérias da água, poeiras e partículas. Mas no quesito bioquímico, explica o especialista, a água é muito modificada.

Para Fraige, a melhor água para consumo é a mineral, completamente natural, que não seja acrescida de bicarbonato de sódio ou outros minerais artificialmente. “Filtros de ozônio e outros são apenas por interesses comerciais”, alerta. No entanto, o médico reconhece que boa parte da população não tem poder aquisitivo para consumir água mineral de boa qualidade todos os dias.

Equipe Comportamento e Saúde (ig.com.br)

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0