Cuidado com o consumo de chocolate na Páscoa

Cuidado com o consumo de chocolate na Páscoa

my-portfolio

Conheça os benefícios, a quantidade necessária para o dia e mitos e verdades do chocolate, a tentação da Páscoa. A Páscoa está aí e a quantidade de ch...

Crianças com HIV terão novo remédio com tecnologia inovadora
Por que nossos filhos estão precisando tanto do divã?
Ter um cão faz bem à saúde

Conheça os benefícios, a quantidade necessária para o dia e mitos e verdades do chocolate, a tentação da Páscoa.

A Páscoa está aí e a quantidade de chocolate pelas lojas de todo o País faz com que todos caiam na tentação. Contudo, moderação deve ser ordem expressa.

Benefícios e cuidados

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Cambridge, na Inglaterra, comprovou que o consumo moderado de chocolates pode trazer benefícios à saúde. Dos pesquisados, 37% apresentou menores chances de ter doenças cardiovasculares; já 29%, de sofrer derrame. Sabe-se também que o cacau é rico em flavonóides, responsável por reduzir a formação de placas de gordura, melhora o fluxo sanguíneo e o controle da pressão arterial.

Apesar de seus efeitos positivos e estar liberado para todos, é preciso maneirar. O consumo diário depende do valor calórico total da dieta de cada pessoa, mas a indicação são 30 gramas, equivalente a uma pequena barra, de chocolate amargo por dia para um adulto. Com 70% a 80% de cacau em sua fabricação, o chocolate amargo tem maior presença de antioxidantes em sua composição.

Mitos:
– Cuidado com os chocolates chamados “diet”, pois nem sempre são a melhor opção para os diabéticos, já que contém maior teor de gordura saturada que os demais.
– Chocolate não causa dependência, ao contrário do que se diz. Há apenas um desejo por chocolate.

Verdades:
– Chocolate contém estimulantes como cafeína e teobromina, causando um efeito energético que incide na concentração e na capacidade física. Por isso, consuma com moderação.
– O consumo excessivo prejudica o controle do peso e sua redução. Sabia que um ovo de Páscoa de 500 gramas pode conter até 2500 calorias?

Equipe Comportamento e Saúde (Angela Miguel – Hospital do Coração).

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0