O que são os Transtornos de Personalidade?

O que são os Transtornos de Personalidade?

my-portfolio

São doenças mentais em que a pessoa mostra sinais de desajustes, inadequação e severo comprometimento na sociabilidade.

Por que o isolamento social cresce entre os jovens?
Quem são as mamães e os papais?
OS PAIS, OS FILHOS E A ANSIEDADE

O que são os transtornos de personalidade?

Os transtornos de personalidade são doenças mentais em que a pessoa possui comportamentos com sinais de desajustes, inadequação e severo comprometimento na sociabilidade. Eles se caracterizam basicamente pelo padrão persistente no modo de pensar, de agir e de se comportar e tendem a se manter por toda a vida. Via de regra estes transtornos são identificados durante a adolescência ou no início da idade adulta.

No total são 10 tipos distintos com características próprias, mas o que elas tem em comum é o fato de serem de longa duração (praticamente por toda a vida), impactarem negativamente a família e causarem um forte comprometimento da funcionalidade do indivíduo.

Os transtornos de personalidade são divididos em 3 grupos:

GRUPO A (Transtornos estranhos ou excêntricos)

Este grupo pertence à linhagem paranoide, ou seja, são pessoas que sempre veem o mundo com um olhar ameaçador e seguindo a ideia de teorias conspiratórias. Veja:

  • Transtorno de Personalidade Paranóide: pessoas com alto grau de desconfiança e suspeita sobre os outros. Podem apresentar medo de perseguição e/ou de serem enganadas.
  • Transtorno de Personalidade Esquizoide: costumam apresentar alto grau de desinteresse em outras pessoas e embotamento social.
  • Transtorno de Personalidade Esquizotípico: pessoas com comportamentos e pensamentos excêntricos ou bizarros. Geralmente têm dificuldade em adquirir relacionamentos íntimos.

GRUPO B (Transtornos dramáticos, emotivos e imprevisíveis)

Este grupo pertence à linhagem dos anti-sociais, ou seja, são pessoas que apresentam alguma falha na reflexão moral e assim tem baixo nível de sentimento de culpa, também demonstram muita dificuldade em se colocar no lugar do outro (sem empatia) e tem como marca central um nível bem evidente de egoísmo. Veja:

  • Transtorno de Personalidade Histriônico: pessoas que possuem necessidade excessiva de chamar a atenção;
  • Transtorno de Personalidade Narcisista: costumam apresentar autoestima frágil e desregulada, apesar de aparentarem grandiosidade sobre a própria imagem;
  • Transtorno de Personalidade Borderline: alta instabilidade emocional, com intolerância de ficar sozinho e mudanças de atitude súbitas e de forma impulsiva;
  • Transtorno de Personalidade Antissocial: costumam manipular os outros para ganho pessoal, podem ser falsos e irresponsáveis social e afetivamente.

GRUPO C (Transtornos ansiosos e/ou apreensivos)

  • Transtorno de Personalidade Esquiva: medo de rejeição tão alto que costumam evitar o contato interpessoal de qualquer tipo.
  • Transtorno de Personalidade Dependente: costumam apresentar necessidade excessiva de ser cuidado e alto grau de submissão.
  • Transtorno de Personalidade Obsessivo-Compulsivo (TOC): costumam ser pessoas rígidas, perfeccionistas e obstinadas, que apresentam pensamentos ou comportamentos repetitivos que causam prejuízo às suas atividades diárias.

TRANSTORNO DE PERSONALIDADE OBSESSIVO-COMPULSIVA

As pessoas com o conhecido TOC padecem de uma boa dose de esforço mental.

  • Eles apresentam preocupação com organização, perfeccionismo e controle mental (e interpessoal), mas perdem flexibilidade, abertura e eficiência;
  • Eles tentam manter um sentimento de controle através de extrema atenção à regras, detalhes, formalidades, listas ou horários, mas perdem o ponto mais importante da atividade;
  • Eles são excessivamente cuidadosos e repetitivos, fazem varias verificações em busca de possíveis erros;
  • Eles não percebem o aborrecimento causado à outras pessoas pelos seus atrasos e aborrecimentos.

TRANSTORNO DE PERSONALIDADE ESQUIVA

Essas pessoas apresentam um padrão de inibição social, sentimento de inadequação e hipersensibilidade à qualquer avalição negativa que receba de alguém.

  • Elas evitam atividades em grupo (com amizades, no trabalho ou na escola) por medo de críticas, desaprovação ou rejeição;
  • Elas apresentam dificuldades de falar com sobre si mesmos e não expressam sentimentos íntimos por medo da exposição ou de ridicularização.

TRANSTORNO DE PERSONALIDADE DEPENDENTE

Por que pessoas com transtornos de personalidade são propensas ao suicídio?

Pessoas com transtornos de personalidade são propensas ao suicídio — em especial pessoas imaturas emocionalmente, com transtorno de personalidade borderline ou antissocial, pois toleram pouco frustrações e reagem intempestuosamente ao estresse, com violência e agressividade.

Equipe Comportamento e Saúde (Dr. Sandro Tubini)

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0