Violência doméstica passa de geração para geração

Violência doméstica passa de geração para geração

my-portfolio

Agressividade aprendida Crianças vêem, crianças fazem. Por isso, o risco da violência doméstica ocorrer é muito maior quando foi presenciado emcasa e ...

Ranking das escolas particulares de São Bernardo do Campo
Coaching de Pais: Birra
Por que mostrar um livro para os bebês?

Agressividade aprendida

Crianças vêem, crianças fazem. Por isso, o risco da violência doméstica ocorrer é muito maior quando foi presenciado emcasa e assim é passada de pais para filhos.

A infeliz conclusão, vem da pesquisa onde foram analisados mais de 1600 famílias norte-americanas e nela descobriram que:

  • de quatro a cada cinco famílias com pais envolvidos em violência com o parceiro tiveram filhos que, adultos, cometeram violência contra os parceiros;
  • e que 75% destas famílias tiveram filhos que, adultos, se tornaram vítimas de violência doméstica.

Impacto no comportamento e na saúde

A conclusão é que o comportamento agressivo é aprendido e posteriormente, acaba sendo reproduzido pelas próprias pessoas que, no passado, tiveram contato com a violência, conforme explica a Dra. Kelly Knight da Faculdade de Justiça Criminal da Sam Houston State University (Texas, EUA):

  • “Estas famílias infelizmente não conseguiram quebrar o ciclo da violência”;
  • “A maioria dos pais e mães que viveram situações de violência tiveram filhos que acabaram crescendo para viver a mesma experiência”

Exemplos de violência doméstica envolvendo parceiros incluem empurrar, agarrar, bater, atirar coisas, socar, bater usando objetos, sufocar, ameaçar com arma, usar arma e tentar matar um parceiro ou cônjuge. Veja os números:

  • 92% de pais/mães disseram ter cometido ao menos um ato de violência doméstica, e cerca de dois terços declararam ter cometido ao menos um ato violento contra o parceiro ou parceira. Entre seus filhos adultos, quatro a cada cinco disseram ter cometido ao menos um incidente menor de violência doméstica;
  • 66% dos pais e 36% de seus filhos já adultos relataram ter sido vítimas de violência pelas mãos dos parceiros, apurou o estudo;
  • Além disso, 93% dos pais e 78% dos filhos adultos declararam ter sido vítimas de incidentes menores de violência doméstica;
  • 20% pessoas disseram ter participado em três ou mais tipos de violência doméstica.

Equipe Comportamento e Saúde

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0