Brincadeira “da hora” para bebês

Brincadeira “da hora” para bebês

my-portfolio

É através do brinquedo que a criança se expressa emocionalmente e aprende a se relacionar com o mundo, explica a Dra. Daniele N. Tubini, psicóloga.

Afogamento aumentam quando pais mexem no celular
Por que nossos filhos estão precisando tanto do divã?
Os filhos crescem, mas eu não vejo. Para onde eu olho?

O verdadeiro valor da brincadeira

Com toda a certeza do mundo é possível afirmar que todas as pessoas gostam de brincar de uma forma ou de outra, mas poucas pessoas sabem (com exceção dos letrados em psicologia), que a brincadeira, além de boa diversão e de sinalizar a hora do lazer, é a grande linguagem da criança e por isso é através dela que conseguimos nos comunicar estabelecendo um contato, uma troca, uma conexão.

Além de todos os benefícios que as brincadeiras podem proporcionar, ela também representa uma motivação para o aprendizado e para a realização de tarefas. Para a Dra. Daniele N. Tubini (psicóloga e psicoterapeuta da Clínica de Comportamento e Saúde), “O brincar da criança está relacionado ao desenvolvimento de habilidades cognitivas como coordenação motora e raciocínio, assim como habilidades psíquicas, pois é através do brinquedo que a criança se expressa emocionalmente e aprende a se relacionar com o mundo.”

Nesta série de artigos sobre os brinquedos ideais para o desenvolvimento do seu filho até os 12 anos, a Dra. Daniele N. Tubini guiará as mães (as tias e as avós, também) num caminho que colaborará com cada fase de desenvolvimento e aprendizagem de seus pequenos.

Boa diversão!!!

Equipe Comportamento e Saúde

 

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0